quarta-feira, agosto 29, 2007

Boa novidade

Como vocês sabem eu estou fazendo o módulo 3 do curso de finlandês. Esse curso é oferecido pelo governo. Recebo uma grana do governo para estudar finlandês e no próximo módulo terei que estagiar em algum lugar. O governo não pode e não quer nos manter para sempre estudando, então precisamos dar algum retorno ao país. Por isso que nesse módulo começaremos a procurar um lugar para estagiar, continuar falando finlandês e quem sabe quando o curso terminar o dono da empresa/organização nos convide a continuar o trabalho. Enfim, expliquei isso tudo, para dizer que somos obrigados a estagiar durante 6 semanas no próximo módulo do curso de finlandês. Pronto. :)
Quem me conhece sabe que eu gosto de fazer tudo com bastante antecedência. Então, se é para procurar estágio para o próximo módulo que começará na metade de Setembro, por que não começar a procurar logo? Por que esperar?
Passei alguns dias pensando, pensando onde eu poderia estagiar. O que eu queria fazer aqui. Depois de tanto pensar, percebi que seria difícil ser uma chef de cozinha por agora, pois não tenho nenhuma experiência na área e para procurar um estágio eu precisaria ter experiência profissional nisso. Foi descartado. Pensei também, quem sabe não trabalhar em alguma coisa relacionada a minha formação em Ciência da Computação? Na mesma hora pensei "Aff! Nunca mais! Deus me livre!", bati na madeira três vezes. Descartado!
Pensei nas experiências que eu tive durante a faculdade, quando participei de um projeto de inclusão digital para adolescentes de comunidades pobres em Salvador. Isso sim eu gosto! No primeiro momento participei desse projeto ensinando informática e depois coordenando. Foram momentos que me sentia muito feliz e realizada por ter ajudado outras pessoas. É isso! Encontrei a minha profissão. Vou ser assistente social.
Lembrei que Tânia tinha me levado para conhecer uma escola para adolescentes refugiados que fica aqui perto de casa e por acaso ela me falou que lá é um bom lugar para estagiar, que as pessoas são bem legais. Ela falou isso porque já tinha estagiado lá. Fomos nessa escola porque algumas pessoas da comunidade do orkut "Brasileiros na Finlândia" estavam querendo ajudar outras pessoas e o Brasil de alguma forma (lembram que tinha contado isso?). Então Tânia disse que tinha dado aula para refugiados e que talvez pudéssemos ajudá-los de alguma forma aqui mesmo. Enfim, lembrei desse episódio e liguei pra ela na semana passada, peguei com ela o nome da escola (NUMA) e da pessoa com quem ela trabalhou (Marketa, desconfio que ela é "a" assistente social da escola, não tenho certeza, só impressão). Tânia me disse também que Marketa estaria na escola na quinta-feira pela manhã. Tomei coragem e decidi ir nessa escola tentar alguma coisa.
Na quarta-feira a noite, planejei com Lu a minha estratégia, como e o que eu falaria. Na quinta acordei cedo e fui direto para a escola. Fui lá com o meu currículo em inglês (pois só faremos o currículo em finlandês na próxima semana) e a carta que a minha professora tinha nos dado. Essa carta explica que esse estágio faz parte do programa do curso de finlandês, que eu falo finlandês, que não precisa pagar nenhum salário para mim, pois o governo pagará etc e etc.
Quando cheguei na escola, vi Marketa, Lenka e outra professora em uma sala. Já conhecia de vista Marketa, pois quando fui com Tânia conhecer a escola, Marketa apareceu por lá. E nesse mesmo dia que fui com Tânia, ela estava indo conversar com Lenka e acabei conhecendo Lenka também.
Voltando, quando cheguei lá, vi as três em uma sala conversando, entrei e as três olharam para mim, a professora que não lembro o nome (minha cabeça não tinha espaço para guardar mais nada) perguntou se podia ajudar e na mesma hora Lenka disse para elas que eu era amiga de Tânia. Eu respondi dizendo "estou ainda estudando finlandês e no próximo módulo eu preciso estagiar e gostaria de estagiar aqui". Elas sorriram e a professora que não lembro o nome disse que era melhor eu conversar com Marketa pois é ela que trata desses assuntos. Lenka e a outra professora saíram da sala e eu comecei o meu discurso. Falei que sou brasileira, que no Brasil ensinei informática e coordenei um projeto social, que agora queria adquirir ainda mais experiência em projetos sociais porque pretendo no próximo ano fazer faculdade em serviço social e seguir essa profissão. Logo em seguida ela perguntou se eu tinha experiência em trabalhar com adolescente. Eu disse que sim, mostrei meu currículo e entreguei a carta da minha professora para ela. Ela gostou muito e perguntou se eu teria que falar só finlandês e eu disse que sim. Ela me explicou que eu poderia ensinar ou ajudar os alunos quando eles estivessem no computador e que poderia ajudar ela em alguns momentos. Eu disse que se eu pudesse começaria a trabalhar no dia seguinte mesmo, mas percebi que não podia porque na hora que a escola está aberta, eu estou no curso de finlandês. Ela sorriu e me mostrou as salas da escola. Depois disse que me ligaria na próxima semana (que já é essa) para dizer o que eles decidiram, pois ela precisava falar com os outros professores. Eu falei que não teria problema de esperar e que tinha gostado de conhecê-la. Saí de lá saltitante! Uhu!! Me saí muito bem! Fiquei muito feliz com meu desempenho, consegui entender boa parte do que ela me falou. Na mesma hora liguei para Lu e contei como foi. Depois fui para o curso de finlandês e contei para minha professora e alguns amigos do curso mais próximos.
Fiquei esses dias todos esperando a resposta. Até que ontem, terça-feira, minha professora recebeu um email de Marketa dizendo que eu poderia estagiar na escola. Uhuu!!
Na verdade não sei o que irá acontecer agora, mas acredito que tenho que esperar até 29.10, quando será o primeiro dia do estágio. Já estava feliz por ter conseguido me comunicar, imagine agora que tenho um lugar para estagiar... estou muito mais feliz!

12 comentários:

Teea disse...

Carol,
você sabe como fiquei feliz com as suas notícias? Assim meu dia começou muito bem, estou bem alegre, rs.
Parabéns! Só não sei como consegue esperar até poder começar o estagio? ;)
Um beijo grande,
Teea

Anônimo disse...

Sensacionaaaaaaaaalllll!!!
A mulher tá trabalhando EM finlandêêês!!!!!!

beijos!!!!
Lia.

Livinha disse...

Cá,
Fiquei muito feliz pela notícia! :)
Que bom que você vai estagiar com uma coisa que você gosta e é um trabalho muito bonito. Tenho certeza que você vai continuar lá ;)

Fiquei muito feliz também em saber que você vai fazer faculdade de Serviço Social, sempre achei o seu jeito :)

Beijão,
Livinha

Teea disse...

Carol, acertou :) o que mais poderia ter comprado tão cedo, rs. Bahia já me espera, né? Saudades...

E quanto àquele recado, na verdade não pensei tanto no meu "ex" (claro que também nele), mas "outras coisas", outras pessoas, e em geral. E sei que foi um recado algo grosso, mas mesmo assim, tem algumas verdades. Generalizar não é bom, mas deu para dar uma idéia - claro que na prática se esquece fácilmente tudo isso. :)

Beijos,
Teea

Vinicius disse...

YESSSS! Putz, post marcante hein? Decidiu profissão, conversou bem em filandês e arranjou estágio! Go Go GirL! :-)
Fiquei feliz pra caramba por você! Espero que continue dando tudo certo por aí. Você merece!

Ah! Vou viajar esse fds e sábado tá meio complicado, mas vamos marcar um skype sim! Botar os assuntos em dia, hehehehe. Beijos!

Mauricio Vieira disse...

Aeeee, fiquei mto feliz com a notícia. Boa sorte com a nova profissão.

E nasce a sincera esperança de que vocês voltem para cá e você exerca esta atividade aqui. Afinal de contas, nossa Salvador precisa muito mais de assistencia social do que Helsinki ;)

Beijos,

Maux

Maria de salete disse...

Carol,
vc me emocionou!
Me lembrei de vc no Natal. Lembra que eu te disse que quando vc fizesse um ano de finlândia, tudo estaria tão diferente!
parabéns, pela escolha sensível, pela determinação, pelo sucesso (nenhuma desas coisas é inédita pra vc...)
Um beijo!

Pata disse...

Que legal, Carol! Vc sabe que torco muito por vc, pois vc merece!
Bjnhs!

Wagner Saback Dantas disse...

Sim!!!!

Cá, que massa, estou muito feliz! Gozado que, para chegar, aqui, fui primeiro no blog de Lu. Depois pensei: "será que Cá colocou algo novo depois de tanto tempo sem escrever?". Haveria de ter uma surpresa!

E temos várias!

Sua escolha é fabulosa, seu desempenho é exemplar, sua conduta é digna de um sorriso aberto (o que está difícil para mim de realizar ultimamente...)!

Mande brasa, menina!

Beijão,
W.

Lu disse...

Legal, carol!
Bom saber que vocÊ tá achando seu caminho aqui. A gente sabe que não é fácil, mas você até que foi rápida!

Boa sorte no estágio, e que ele te abra muitas portas.
Bjs,
Lu

Mônica Paz disse...

Oi Cá,

Estou muito feliz e com lágrimas nos olhos com aS notíciaS!!

Muito sucesso para você!

bjs

Yupanqui disse...

BALA!!!!
Parabéns!!!!