quinta-feira, janeiro 18, 2007

Primeira aula de inglês

Nesse post e no próximo vou contar como foram os dois primeiros dias dessa semana, se eu pudesse resumir em duas palavras diria que foram intensos e importantes.
Antes disso queria contar uma novidade, eu e Lu compramos no sábado passado uma máquina de fotografar muito boa! Foi um investimento muito bom, já não aguentava mais a nossa máquina de fotografar (e filmadora e celular ao mesmo tempo). Na verdade ela é um excelente celular, mas como máquina deixava a desejar em alguns momentos. Não conseguíamos tirar fotos de noite e nem a meia-luz, saía um horror! Agora imaginem essa máquina aqui na Finlândia, onde só temos 6 horas de luz. Tivemos que fazer aquele passeio da semana passada bem rápido, para podermos aproveitar a luz do dia e registrar todos os lugares que passávamos.
Já testamos a máquina nova em algumas situações e ela é excelente! Vejam as fotos abaixo. Dá para perceber a diferença na qualidade das imagens, definitivamente, foi um bom investimento!
Tivemos 2 motivos para comprar essa máquina: um é que a nossa máquina de fotografar (e filmadora e celular) não é boa e o outro motivo é que Lu tem repetido várias vezes que gostaria muito de fazer um curso de fotógrafo. Acho que isso vai fazer muito bem para ele, vai sair mais de casa, vai ver mais a natureza, vai deixar ele mais tranquilo e menos ansioso. Sinceramente, não sei que horas ele pretende fazer isso, talvez ele arranje um tempinho extra depois que ele entregar a monografia do mestrado. Estou torcendo para que dê certo!


Eu (foto com a máquina nova)


Lu (foto com a máquina nova)


Agora vou contar o que aconteceu nessa semana. Na segunda-feira, combinei com Lu para irmos juntos a Universidade de Helsinki fazer a minha inscrição no curso de finlandês. É, o dia da inscrição tinha chegado. Às 16h, chegamos no local da inscrição e já tinha uma fila enorme, estava previsto para começar a matrícula às 16h30. Lu estava ansioso, ia toda hora no começo da fila ver se já tinham começado a atender. Eu estava tranquila, estávamos na fila e nada iria tirar a gente de lá, só precisávamos ter paciência. Começaram a atender pontualmente às 16h30 e a fila andava lentamente, demorava muito. Isso porque para cada pessoa, a atendente conferia o recibo de pagamento do curso, entregava o formulário, esperava a pessoa preenchê-lo, explicava onde comprar o livro, onde seria a aula e, é claro, tirava todas as dúvidas, todas mesmo, até as que a pessoa não tinha. Por que a pressa?
Ficamos em pé esperando chegar a nossa vez. Na nossa frente tinha um casal da nossa idade que falava uma língua esquisita e na frente deles uma senhora, bem velhinha de muleta. Percebemos que não tinha atendimento preferencial, a velhinha ficou na fila como a gente, não sei como aguentou esperar tanto tempo. Acho que ficamos na fila uns 40 minutos. Já estávamos perto de sermos atendidos, só faltavam 3 pessoas. Quando eu olhei para o lado e mostrei para Lu, "olhe, o curso 1D!". A atendente tinha escrito "FULL" bizarramente na placa do 1D. Não demorou muito para a atendente da nossa fila (do curso de nível 1 e 2) se virar e escrever "FULL". Todos que estavam na minha frente e atrás não acreditaram e nem a gente. Como pode? Full? Mas a gente pagou, estávamos com o recibo...
Lu foi lá na frente saber o que deveríamos fazer naquela situação, como ter o dinheiro de volta ou saber se iria abrir outra turma, sei lá. Nesse momento não tinha mais fila, tinha um bolo de pessoas rodeando a atendente para saber o que deviam fazer e Lu estava lá no meio. Depois de alguns minutos, Lu se virou para mim e disse "vá para a fila do curso 1A" e lá fui eu para a outra fila. Ainda bem que nessa fila só tinha uma pessoa na minha frente e ela já estava sendo atendida. Perguntei para Lu o que era esse 1A e ele me explicou que era um curso referente ao nível 1, será oferecido duas vezes na semana e 4 horas por dia (2 horas de aula e 2 horas de exercícios). Bem diferente do curso que eu estava querendo (nível 1 e 2), que era 4 vezes na semana e 4 horas por dia (2 horas de aula e 2 horas de exercícios). Enfim, não tínhamos outra opção, a não ser pegarmos o dinheiro de volta, mas tínhamos que garantir esse curso de finlandês, não podíamos despediçar essa chance, já estava perto de ser atendida. Até que chegou minha vez, me inscrevi e pronto! Saímos da Universidade, Lu voltou para o trabalho e eu para casa.
De noite, às 19h, eu e Lu nos encontramos perto de casa. Estávamos indo para a minha primeira aula do curso de inglês. Lu foi comigo para me ajudar a procurar o local do curso de inglês, não queria me perder sozinha. A gente tinha o endereço certinho, mas não foi tão fácil, andamos muito, andamos, andamos e andamos. O número 8 parecia que tinha sumido, a gente achava o 10, 9, 11 e nada do 8. Decidimos que só voltaríamos para casa quando achássemos o lugar. Já estava atrasada para a aula, mas mesmo assim continuamos a procurar. Até que vimos uma placa em finlandês que eu deduzi que era algo sobre o lugar do curso, seguimos a placa e lá estava o número 8! Encontramos! Cheguei correndo, falei com a recepcionista, ela me disse qual era a sala e entrei já falando "I am sorry!". A professora disse que não tinha problema e disse para eu entrar. Nem estava acreditando que tínhamos conseguido. Lu ficou do lado de fora me esperando.
A aula foi bem tranquila, foi sobre esportes. A professora explicava as questões em finlandês e repetia em inglês. Algumas palavras a turma não sabia o que significava, a professora para simplificar (pra ela e pra turma, é claro) explicava em finlandês, nesses casos eu usava o meu dicionário. Ainda bem que tinha levado meu dicionário! Quando dava eu pedia para ela explicar em inglês e eu conseguia entender uma palavra ali, outra aqui e assim consegui acompanhar a aula inteira. Eu acho que todos os alunos são finlandeses, não tive tempo para conhecer todos e ter certeza disso, mas eles entendem a professora quando ela fala finlandês e o jeito como eles falam inglês não dá para negar, são finlandeses! Então, eu suspeito que vou aprender finlandês também na aula de inglês, que loucura!
Tenho certeza que esse curso vai ser muito bom para mim, vai me forçar a pensar e falar em inglês. Terei que ir todas as segundas-feiras, a aula tem 1h40 de duração e termina no dia 02.04. Eu acho pouco, vou procurar um grupo de conversação em inglês aqui no meu bairro para complementar o meu aprendizado.
Só posso dizer uma coisa, me senti muitíssimo bem, pela primeira vez, me senti útil. Pude conversar com outras pessoas que não fosse Lu e nem brasileiros. O problema é que ainda me foge as palavras, me sinto sufocada, às vezes, queria comentar alguma coisa durante a aula e até lembrar das palavras e formular a frase, o momento para fazer o comentário já tinha passado. Eu percebo que quando eu falo, é muito lento. Imagine eu falando lento! Em alguns momentos isso me deixa angustiada, mas respiro fundo e, simplesmente, abstraio. Tirando essas minhas angústias, foi um dia que eu me senti bem mesmo! Na próxima segunda-feira tem mais!
Amanhã, eu conto o que aconteceu, na terça-feira, quando fui fazer a entrevista no ministério do trabalho.

10 comentários:

Carlinha disse...

Oi Ca,

Que bom que você começou as aulas de inglês/finlandês! Em breve, voce estará bem afiada no inglês :)

Beijos,
Carlinha

viracocha disse...

Don't worry, be happy! hihihi

besos
Y.

Pata disse...

Olá Caroline!

Achei seu blog pelo orkut. Sou Pata, a sua nova vizinha aqui de Matinkylä.

Eu tb me inscrevi no curso da universidade, só que no curso 5. Mas não pense que falo finlandês fluente, pois esse último ano que passei no Brasil parece que apagou tudo de suomi na minha mente!

Puxa, que pena que vc não conseguiu se inscrever no curso intensivo! Se eu soubesse que tentaria eu te avisaria pra chegar beeem cedo, pois tb passei por isso qdo fui fazer o curso 3+4, tb fiquei sem vaga e não pude fazer o intensivo.

Em que dia da semana e local vc vai estudar? Eu vou fazer terca e quinta na Mariankatu.

Bjs

Anônimo disse...

Que noticias boas! Fiquei bem feliz por você, se nota que está logo mais animada. A gente conversa melhor no sábado!
beijos, Teea

Wagner Saback Dantas disse...

Olá, Cá!

Muito feliz estou em percebê-la entusiasmada com o curso de inglês-finlandês. Não perca de vista a sinergia nas aulas e na sua motivação, sim?

Beijos e tenha um ótimo final de semana que já se aproxima!

É isso,
Wagner - Salvador, BA, Brasil, 18.01.2007, 19h18.

P.S.: Vale o comentário póstumo: e que generosidade e companheirismo e virtuosidade de Lu, viu? Fantástico!

vinnie disse...

Kerol, seu blog é bala porque sempre tem algo novo e interessante pra ler. Imagina eu escrevendo um blog todo dia das coisas que tenho feito aqui,affff. Por enquanto é só comer, dormir e trabalhar. Um saco! Mas breve, breve isso vai mudar, hehehe.
To orgulhoso de vc aproveitando as oportunidades aí sem se deixar intimidar. Vai fundo! :-)
beijosssssss

Anônimo disse...

Essa é a Carol!!!!!!
Beijão,
Salete

Kinha! disse...

Cá, aprenda muito inglês que eu tô precisando de umas aulinhas rsrsrr

Volto a estudar esse semestre.

Ontem precisei falar inglês e tava uma carroça. Ficar sem contato é muito ruim. Entre nesses grupos mesmo.

Depois do inglês acho que vou tentar o francês... linda língua! :-D

Beijos

Nathalia disse...

Olá . bem , dei uma pequena lida no post, e reparei que não mora no Brasil .. mora ?
^^ bem . com minhas sinceridades prometo que volto aqui , só estou passando em flog recentementes atualizados , pois irei ressucitar o meu , e gosto de visitas ^^ ...


Boas as imagens da camera nova ^^
=*
Beijos

Eulina Lordelo disse...

Alô, Carol, beleza, heim? Tudo andando, câmera nova, curso novo, tudo de bom pra vocês.